Saltar para o conteúdo
CLIL

CLIL: o que é? Saiba mais sobre o Ensino Integrado de Conteúdos e Língua

CLIL, ou Content and Language Integrated Learning (em português, traduzido como Aprendizagem Integrada de Conteúdo e Linguagem), é uma abordagem educacional que tem foco dual, objetivando o desenvolvimento da linguagem e a aprendizagem dos conteúdos disciplinares de maneira integrada. Proposta em 1994 na Finlândia por um time de pesquisadores liderado pelo Professor David Marsh, PhD, tal abordagem vem ganhando força, principalmente no cenário da educação bilíngue, devido à sua conhecida eficácia, já amplamente comprovada por estudos científicos.

Tal abordagem propõe que deixemos de fragmentar linguagem e conteúdo, passando a integrá-los, de forma que o ensino de um sirva à aprendizagem do outro. Com isso, CLIL nos convida a pensar qual papel a linguagem tem no aprendizado de conteúdos disciplinares, bem como a considerar a importância do contexto e do significado (em lugar de forma, apenas) no ensino de línguas. Finalmente, CLIL nos convida a pensar a importância da transdisciplinaridade na educação.

A educação por meio da transdisciplinaridade e da integração de conteúdo e linguagem oportuniza a formação dos estudantes enquanto sujeitos criativos e críticos, capazes de estabelecer relações entre as diferentes áreas do conhecimento para entender fenômenos complexos e com competências além das linguísticas para inserir-se em contextos diversos. Atualmente, com o ensino bilíngue como parte da rotina escolar, entender sobre CLIL se tornou indispensável.

Continue a leitura e aprenda como essa abordagem pode transformar a prática pedagógica de forma revolucionária.

Conteúdo do Post

O que é a abordagem CLIL: conceito e prática integrada

Com bases sólidas em teorias da aprendizagem e do desenvolvimento, tais quais a Teoria Sociocultural de Lev Vygotsky e o Construtivismo de Jean Piaget, bem como em teorias da área da Linguística, a exemplo da Linguística Sistêmico-Funcional de Michael Holliday, CLIL foi proposta enquanto abordagem em 1994 a partir de pesquisas científicas nos contextos Europeu e Canadense. Desde então, a abordagem vem ganhando cada vez mais popularidade – inicialmente na Europa e, posteriormente, na Ásia e América Latina.

CLIL é pautada em diferentes pressupostos, dentre os quais as noções de que a linguagem é a base de toda aprendizagem; de que o repertório e as habilidades que um aluno desenvolve devem ser construídos ativamente a partir de seu conhecimento prévio; de que cada aluno é único em sua individualidade; de que competências são desenvolvidas em uso; de que a linguagem é específica a um contexto.

Assim, CLIL prevê o uso da linguagem, e principalmente da língua adicional, como ferramenta para construção de significados e desenvolvimento de competências. Assim, a língua adicional (LA) funciona como meio para a aprendizagem. Ao mesmo tempo, por meio do próprio uso da LA, aliado ao seu ensino explícito nos contextos das diferentes disciplinas, a aprendizagem da LA é também fim, uma vez que CLIL tem como parte de seu objetivo o desenvolvimento da linguagem.

Assim, o conteúdo e a linguagem se interseccionam na medida em que são integrados. Com isso, por meio de um processo integrado de ensino-aprendizagem, os alunos são expostos a conteúdos e disciplinas do currículo escolar através de outro idioma, a exemplo da Língua Inglesa, engajando-se em experiências que promovem constante desenvolvimento dos dois focos.

Aqui no Edify, implementamos CLIL em um dos nossos programas bilíngues, o Essential. Por meio dele, os alunos podem aprofundar-se, em inglês, em tópicos que foram trabalhados previamente em outras disciplinas, assim desenvolvendo domínio linguístico ao mesmo tempo em que ampliam seu conhecimento sobre o mundo. Tudo isso, é claro, por meio de uma prática pedagógica pautada na experiência individualizada, na construção ativa de conhecimento e na prática diária de uso da língua.

Kit Implementação no Programa CLIL

A Influência Global da Abordagem CLIL: Expansão e Reconhecimento Internacional

Desde sua proposta inicial na Finlândia em 1994, a abordagem CLIL tem conquistado espaço além das fronteiras europeias, estendendo sua influência para outras regiões do mundo. O reconhecimento internacional da eficácia do Content and Language Integrated Learning tem impulsionado a adoção dessa metodologia em diversos sistemas educacionais globais.

CLIL na Prática: Exemplos Concretos de Transformação Educacional

A implementação bem-sucedida da abordagem Content and Language Integrated Learning (CLIL) na prática educacional é um fenômeno que transcende fronteiras, proporcionando experiências enriquecedoras e resultados tangíveis. Vamos explorar três exemplos concretos de como o CLIL tem sido aplicado em diferentes contextos escolares, demonstrando sua eficácia na promoção da aprendizagem integrada de conteúdo e língua.

1. Aventuras Científicas Multilíngues

Em uma escola internacional, o CLIL foi adotado para aprimorar a compreensão de conceitos científicos em um ambiente multilíngue. Os estudantes exploraram temas como ecossistemas, energia e biodiversidade em línguas adicionais, como inglês e francês. Além de assimilar os princípios científicos, os alunos desenvolveram habilidades linguísticas avançadas, utilizando o vocabulário específico de cada disciplina. Essa abordagem não apenas aprofundou o entendimento científico, mas também preparou os alunos para a comunicação em contextos acadêmicos e profissionais diversificados.

2. Viagens Históricas Bilíngues

Em uma escola bilíngue, o CLIL foi aplicado na disciplina de História, permitindo que os alunos explorassem eventos e períodos históricos em uma língua adicional. Ao estudar, por exemplo, a Revolução Industrial em inglês, os alunos não apenas adquiriram conhecimento histórico, mas também desenvolveram habilidades de leitura, escrita e expressão oral na língua-alvo. Essa abordagem prática conectou a história global ao desenvolvimento linguístico, preparando os alunos para uma compreensão mais ampla e contextualizada do passado.

3. Projetos Matemáticos Multiculturais

Em uma escola com uma comunidade diversificada, o CLIL foi incorporado ao ensino de Matemática, promovendo o desenvolvimento de habilidades numéricas e linguísticas simultaneamente. Os alunos abordaram conceitos matemáticos complexos em diferentes línguas, facilitando a compreensão dos termos técnicos específicos. A resolução de problemas matemáticos tornou-se uma oportunidade para a prática ativa da língua adicional, fortalecendo a relação intrínseca entre conteúdo e linguagem. Esse exemplo destaca como o CLIL pode ser adaptado de maneira flexível para atender às necessidades de uma comunidade multicultural, proporcionando uma experiência educacional rica e holística.

Esses exemplos práticos destacam como o CLIL pode ser incorporado de maneira eficaz em diversas disciplinas, enriquecendo não apenas o conhecimento específico da matéria, mas também as habilidades linguísticas dos alunos. A abordagem CLIL na prática não apenas promove uma aprendizagem mais profunda e significativa, mas também prepara os estudantes para os desafios de um mundo cada vez mais interconectado e multilíngue.

O Futuro do CLIL: Inovações e Tendências Emergentes na Educação Bilíngue

À medida que a educação bilíngue continua a evoluir, o futuro do Content and Language Integrated Learning (CLIL) parece promissor, com diversas inovações e tendências emergentes moldando essa abordagem pedagógica. Uma das direções mais notáveis é a integração crescente do CLIL com tecnologias educacionais avançadas. Plataformas digitais interativas, realidade virtual e recursos online personalizados estão sendo incorporados ao CLIL, proporcionando aos alunos experiências de aprendizado mais dinâmicas e personalizadas. Essa sinergia entre a abordagem CLIL e a tecnologia visa não apenas enriquecer o conteúdo e a língua, mas também ampliar o alcance da educação bilingue, permitindo que estudantes em diferentes partes do mundo participem de experiências educacionais interativas e colaborativas.

Além disso, uma tendência emergente na aplicação do CLIL está relacionada à expansão para áreas profissionais específicas. A interseção entre o CLIL e campos profissionais, como ciências, tecnologia, engenharia e matemática (STEM), destaca-se como uma área de crescimento. A incorporação do CLIL em disciplinas STEM não apenas fortalece a compreensão dessas matérias, mas também prepara os alunos para carreiras especializadas em um contexto global. Essa abordagem inovadora visa não apenas formar indivíduos proficientes em línguas adicionais, mas também especialistas em campos científicos e tecnológicos, alinhando-se às demandas contemporâneas do mercado de trabalho e promovendo uma educação bilíngue mais relevante e adaptável.

A Adaptação do CLIL em Ambientes Virtuais de Aprendizagem: Desafios e Oportunidades

A crescente digitalização do ensino trouxe consigo a necessidade de explorar a adaptação do Content and Language Integrated Learning (CLIL) em ambientes virtuais de aprendizagem. Embora a tecnologia ofereça oportunidades emocionantes para expandir o alcance do CLIL, ela também apresenta desafios únicos. Um dos principais desafios reside na criação de experiências imersivas que mantenham a integridade pedagógica do CLIL, garantindo a interação significativa entre conteúdo e língua. Além disso, a gestão eficaz do tempo e a promoção da colaboração entre alunos em plataformas online são aspectos críticos que demandam atenção para garantir o sucesso do CLIL em ambientes virtuais.

No entanto, em meio aos desafios, surgem oportunidades significativas para aprimorar o CLIL por meio da tecnologia. Ambientes virtuais oferecem a flexibilidade necessária para personalizar o aprendizado, permitindo que os estudantes avancem em seu próprio ritmo. Recursos interativos, como vídeos, simulações e jogos educativos, podem enriquecer a experiência CLIL, proporcionando uma abordagem mais envolvente e dinâmica. Além disso, a conectividade global em ambientes virtuais abre portas para colaborações interculturais, permitindo que os alunos interajam com colegas de diferentes partes do mundo, ampliando assim a compreensão cultural e aprofundando sua competência linguística. A adaptação do CLIL em ambientes virtuais, portanto, representa uma evolução emocionante, repleta de oportunidades para aprimorar a aprendizagem integrada de conteúdo e língua em um contexto digital.

Vantagens do método interdisciplinar CLIL

Os benefícios da implementação de uma abordagem que integra diferentes áreas são inúmeros, segundo indicam os especialistas. Alguns dos fatores positivos que valem a pena destacar são:

  • exposição a contextos diversos de uso da linguagem através das diferentes disciplinas;
  • aprimoramento das habilidades de uso da linguagem e de comunicação;
  • aprofundamento de conhecimentos das outras áreas, a exemplo da geografia, matemática ou artes;
  • maior engajamento do aluno, motivado por um senso de relevância da aprendizagem;
  • preparação para a internacionalização com a ampliação do repertório linguístico do estudante;
  • maior motivação e a confiança no uso da língua adicional e nos conhecimentos das outras áreas;
  • maior consciência em relação às semelhanças e diferenças entre língua materna e língua adicional

Essas são apenas algumas das vantagens da implementação de CLIL que, ao oportunizar o estudo contextualizado de uma LA e a aprendizagem das diferentes áreas de conhecimento, contribui para o objetivo mais preponderante da educação bilíngue, que é formar sujeitos capazes de utilizar diferentes línguas e conhecimentos para navegar um mundo não somente linguisticamente e culturalmente diverso, mas também em constante mudança, adaptando-se a cada situação e contexto de formas apropriadas.

Cursos CLIL para professores: formação continuada

Escolas que se interessam por implementar CLIL precisam ter um corpo docente preparado para atuar a partir dessa nova perspectiva. Entende-se como necessário que os professores tenham conhecimentos linguísticos, mas que também estejam aptos e abertos a avaliar e expandir suas próprias habilidades e conhecimento sobre os outros temas explorados em sala de aula, sem perder visão do mais importante: que o professor CLIL é um expert, acima de tudo, em ensino-aprendizagem.

Por conta disso, a formação de profissionais qualificados se faz altamente necessária, já que a interdisciplinaridade e integração demandam domínio de mais do que o uso da linguagem. O ensino a partir de uma perspectiva CLIL exige profissionais preparados para lidar com as demandas específicas da aprendizagem através do uso da LA.

Oferecer aos docentes a formação necessária para atuar no contexto CLIL é fundamental e esta deve ser feita por meio de instituições de referência. Aqui, no Edify, trabalhamos com as melhores fontes com o intuito de oferecer experiências e recursos que impulsionem tanto alunos quanto a equipe pedagógica na construção de um aprendizado edificante. Continue explorando o nosso blog e caminhe conosco na construção de novas formas de aprender e ensinar por meio de uma educação bilíngue inovadora.

Converse com um dos nossos consultores!

Referências Bibliográficas

BANDOLI, GMD; DETOGNE, K. P.; LUQUETTI, ECF. Funcionalismo e ensino de língua: por uma educação linguística. SIMPÓSIO INTERNACIONAL DE ENSINO DE LÍNGUA PORTUGUESA, v. 11, p. 1-10, 2014.

BJÖRKENHEIM, Maria. The future of Nordic education: CLIL and curriculum analysis of Finnish and Swedish basic education. Unpublished master’s thesis, University of Oulu). Disponível em: <http://urn.fi/URN:NBN:fi:oulu-201504301438>. Acesso em: 04/2022.

DE ZAROBE, Y. Ruiz. Which language competencies benefit from CLIL? An insight into applied linguistics research. Content and Foreign Language Intgrated Learning, Contributions to Multilingualism in European Contexts. Bern: Peter Lang, p. 129-153, 2011.

KLIMOVA, Blanka Frydrychova. CLIL and the teaching of foreign languages. Procedia-Social and Behavioral Sciences, v. 47, p. 572-576, 2012.

LAURÉN, Christer; HOVILA, Arja. Varhain monikieliseksi: kielenoppimisen teoriaa ja käytäntöä. Finn Lectura, 2008.

LENNEBERG, E. Biological foundations of language. Nova Iorque: John Wiley, 1967.

VYGOTSKY, Lev Semenovich; COLE, Michael. Mind in society: Development of higher psychological processes. Harvard University Press, 1978.

VYGOTSKY, Lev Semenovich. Thought and Language. Cambridge MA: MIT Press, 1962. (texto original publicado em russo, 1934).

Compartilhe esse texto!
Avatar de Edify Education
Edify Education

O Edify Education está presente em centenas de escolas em todo o Brasil. Com a missão de proporcionar uma educação bilíngue de alta qualidade para todos, nascemos para promover evoluções reais, que refletem no protagonismo de cada aluno na própria jornada de aprendizagem. Nossas soluções nos levou a ganhar vários prêmios, como o 3° lugar no prêmio de votação popular Top Educação 2021 e o 1º lugar no ELTons Innovation Awards.

Veja textos relacionados:

curadoria_bett_brasil

Bett Brasil: tudo o que você precisa saber

Vamos mergulhar nos principais assuntos discutidos durante a Bett Brasil 2024, a maior feira de educação e tecnologia da América Latina. Aqui, apresentaremos um resumo do e-book produzido pelos especialistas do Edify, sendo uma referência…

ingles_para_criancas

Inglês para crianças: transforme o tempo de tela em aprendizado real com o Edify Play!

No mundo atual, em que a tecnologia se tornou uma parte intrínseca da vida diária, é fundamental encontrar maneiras de integrar o aprendizado às atividades digitais das crianças. No entanto, encontrar plataformas que não apenas…

Conte-nos o que achou sobre o texto!

Deixe um comentário

Seu contato não será exibido!